56ª Fase da Lava Jato cumpre 90 mandados em 4 Estados

A Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF) deflagram nesta sexta-feira (23) a 56ª fase da Lava Jato, batizada de Operação Sem Fundos. São cumpridos 68 mandados de busca e apreensão, 8 mandados de prisão preventiva e 14 mandados de prisão temporária, em São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Bahia.

São apurados os crimes de corrupção ativa e passiva, gestão fraudulenta de fundo de pensão, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Segundo as investigações, houve superfaturamento e direcionamento dos contratos da construção de sede da Petrobras em Salvador (BA). As irregularidades, diz a PF, viabilizaram o pagamento de propina a agentes públicos da estatal e a dirigentes do Petros, fundo de pensão da Petrobras.

De acordo com a força tarefa Lava Jato em Curitiba, o fundo firmou parceria com a estatal e investiu na construção do prédio para aluga-lo a Petrobras por 30 anos. Porém, o direcionamento dos contratos a uma empresa ligada a empreiteiras já investigadas na operação aumentou o custo das obras e o valor do aluguel a ser pago.

Os presos serão conduzidos à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba onde permanecerão à disposição da Justiça. Uma coletiva de imprensa foi convocada e mais informações serão divulgadas, assista aqui. 

Continuar lendo