Congresso em Foco

Medida força classe artística a pressionar dirigentes locais a não aderirem às medidas de lockdown [fotografo] Pixabay [/fotografo]

Bolsonaro veta novos projetos de cultura em cidades com lockdown

05.03.2021 11:55 8

8 respostas para “Bolsonaro veta novos projetos de cultura em cidades com lockdown”

  1. Valdir disse:

    O povo pagador de impostos agradece. E a coerência também!

  2. Jorge Teixeira Carneiro disse:

    Esse negócio de lockdown só poderia impedir o aumento da Covid se fosse 24 horas por dia.
    Lockdown de noite só vai impedir a galera de se contaminar em bares e raves.
    E mesmo assim, se os bares e as raves não forem em lugares controlados pelo crime organizado.
    Duvido que a fiscalização vá entrar num morro ou numa periferia para fechar os bares ou encerrar festas que estejam acontecendo.
    Duvido que a PM de São Paulo vá se meter com os frequentadores dos pancadões de Heliópolis ou Paraisópolis.

  3. Rômulo Cabral disse:

    Não chega a ser uma discriminação, sim uma contenção de gastos, nem corte é, porque não parece lógico, se a cidade estará em lockdown o artista vai apresentar o que? se ninguém pode sair a rua, como serão poderá haver show? Quem precisa pensar nisso também e até em primeiro lugar são prefeitos e governadores, senão será mais desvio de verba…diria que é uma restrição da restrição. Acho que quem mais está detonando a cultura são os próprios governadores.

    • RN disse:

      Continue passando pano, mas cuidado para não escorregar e cair na cenoura… ?

      O presudente é covarde. Se fosse homem, enfrentaria a guerra, mas como frango que é, fica mandando um ou outro dar uma solução, sem combinar e se alinhar aos “aliados”. Péssimo exemplo de militar. Parece o “paizuero” que confundiu Amapá com Amazonas… vergonha…

    • Fabio Martins disse:

      Disse aquele que nada sabe sobre cultura. Desde o início da pandemia, prefeituras e governos estaduais adaptaram os editais culturais para execução online. Portanto, a medida do presidente é mais uma patifaria dele contra aquilo que o incomoda – basicamente tudo: cultura, ciência, educação, saúde… ele só se preocupa é com sua própria família

      • 13582196 disse:

        Exibição online não precisa de dinheiro público, pois não irão alugar palco, iluminação, sistemas de som, não irão contratar seguranças, etc.
        Online não tem despesas, pois dá para fazer com software livre e gratuito.

    • Jorge Teixeira Carneiro disse:

      Tem muito artista da noite que depende de fazer show em barzinho e food truck passando dificuldade.
      Agora vai aumentar essa dificuldade por causa do lockdown noturno.
      Como se o vírus só se propagasse à noite.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via