Ataques de Bolsonaro põem à prova propostas de corte de gastos

Jair BolsonaroMárcio BittarMDBOriovisto GuimarãesOtto AlencarPaulo GuedesPEC do Pacto do FederativoPEC dos FundosPEC emergencialPECs Mais BrasilpodemosPSDservidores públicossimone tebet
Comentários (6)
Comentar
  • Ernesto Freire Pichler

    Clamar pelo fechamento do Congresso é um apelo ao fascismo. Ainda bem que temos um Congresso que não deixa passar as propostas mais malucas desse executivo, como o excludente de criminalidade do Moron, ou a capitalização sem contribuição patronal do Tchuchuca e outras loucuras. É verdade que a maioria desse Congresso é de direita, venal. Mas ainda é muito melhor que o executivo, totalmente corrupto e despreparado, além de fascista.

  • Maurício Andrade Weiss

    Que absurdo a comparação desse Senador do MDB, usar boné do MST não tem nada de antidemocrática. Pregar pelo fim do congresso tem sim muito de antidemocrático. Coitado do Ulisses Guimarães, ter seu nome ligado a esses membros do MDB atual.

  • CARLOS ALBERTO RANGEL

    Os deputados e senadores são OBRIGADOS a votar a favor das mudanças que o Brasil PRECISA. Esta palhaçada deles de ficar de mimimi por causa de manifestação do POVO BRASILEIRO.. é mais uma demonstração CLARA de que o Gen Heleno esta coberto de razão em dizer que esta corja trabalha só por ELES MESMOS!

    • Maurício Andrade Weiss

      O que o Brasil precisa é que os realmente ricos, não a classe média que se acha rica, paguem mais impostos. E não tirar renda dos funcionários públicos e pior, prejudicar as populações que mais precisam desses serviços.

      • CARLOS ALBERTO RANGEL

        Vamos por partes… NINGUÉM está tirando renda de funcionários públicos.. o que a proposta de reforma administra indica é (e com razão) uma melhor maneira de saber quem pode e quem não pode ter “estabilidade” no emprego. Só isso. E.. sobre “taxar” os mais ricos.. não é isso o que vai resolver os problemas do Brasil.. isso é só fumaça. O que mudaria de verdade era que os impostos fossem BEM aplicados.. e não desviados como foram monstruosamente nos 13 anos em que aquela quadrilha nojenta esteve no poder.