TSE investiga decisões judiciais que permitiram ações policiais em universidades

democraciaeleiçõeseleições 2018fascismoJudiciárioministério público eleitoralMPERaquel Dodgerosa weberTribunal Superior EleitoralTSEuniversidades
Comentários (2)
Comentar
  • Heddy Zeno

    Membros da Justiça Eleitoral, Justiça Federal e até do próprio STF, fazem declarações e tomam decisões divergentes entre eles e “dissonantes” não só em relação à legislação eleitoral, mas principalmente afrontosas à Constituição Brasileira.

  • Marcelo De Lima

    Nao vai dar em nada.O bolsonaro fez um video dentro do quartel do Bope.Nao houve sequer uma mençao de puniçao do TSE a sua candidatura.Agora protestar contra fascismo nas escolas.A justiça censura.Mesmo o TSE agora se posicionando contra.Eu nao acredito que nao haja partidarismo.