Deputadas querem suspender diretriz sobre “direito à vida desde a concepção”

aborto legalAnuário Brasileiro de Segurança Públicaigualdade de gêneropolíticas públicasSâmia Bonfim
Comentários (7)
Comentar
  • Jorge Teixeira Carneiro

    Não tem como investir na prevenção da gravidez masculina e feminina e assim evitar que as mulheres precisem fazer aborto a torto e a direito?
    Aborto é perigoso para a saúde e muito mais caro que a prevenção de gravidez.

    • Rodrigo Homer

      Justamente por ser perigoso é que deve-se legalizá-lo. Ninguém em sã consciência sairá fazendo ” a torto e direito” justamente por isso. Apenas produzirá mais segurança para algo que já existe. Concordo que deve-se evitar ao máximo chegar a esse ponto mas a decisão final cabe à mulher ou em conjunto com a família responsável. Você vai ajudar a criar para a mulher não ter que abortar? Pois é…por isso que acho inválido gente de fora dar opinião contrária e julgar a atitude….

      • Jorge Teixeira Carneiro

        Não fazem?
        Na classe média, se já fazem tendo que pagar, imagina se for liberado pra fazer à vontade?
        É um procedimento de alto risco para a saúde da mulher, conheço gente que morreu disso.

        • Rodrigo Homer

          Então, meu filho…legalizar não vai fazer aumentar o número de abortos mas sim trazer mais segurança para que casos como esse que vc mesmo citou não ocorram mais. É um processo bastante difícil, duvido que as mulheres irão “querer fazer mais” só porque legalizou. Até porque, legalizando ou não, continua acontecendo.
          Isso é mentalidade de homem das antigas, que acha que tem alguma gerência sobre o corpo da mulher, cara. Não entra nessa, não. A não ser que vc queira criar o filho dos outros, já que acha que pode opinar contra um aborto. Se tu fizer isso, tem todo o direito de ser contra.

          • Jorge Teixeira Carneiro

            Felizmente, não precisei de usar deste expediente,
            E olha que corri o risco.

          • Rodrigo Homer

            Me poupe dos detalhes, kkkkkk

          • Jorge Teixeira Carneiro

            Passou o tempo.
            Escapei do risco.
            Agora é com filho.