Após pressão, Bolsonaro recua e revoga decreto sobre privatização no SUS

Jair Bolsonarorevogação de decretoSaúdeSistema Único de SaúdeSUSUBSUnidades Básicas de Saúde
Comentários (8)
Comentar
  • Jorge Teixeira Carneiro

    Vamos fazer igual ao Barraca oBrahma.
    Entregamos as empresas nossas para o chinês administrar e ainda vamos gravar tudo e fazer um documentário.
    E claro, um especial de 15 minutos explicando como o empregado seford deu e está ganhando 40% do que ganhava antes.

  • Rafael

    O governo aos poucos vai perdendo a força e o comando… Essa coisa de congelar salários, privatizar, juros baixos para empresas, bolsas miséria, agronegócio exportando tudo que produz, povo sem emprego, poder de compra caindo… Tudo para fortalecer empresas… Bem, não vai demorar muito para nos igualar ao povo venezuelano.

    • Jorge Teixeira Carneiro

      Ainda bem que a gente acordou.
      Esse negócio de dar bolsa em troco de voto é um Gópi.

  • Rafael

    A questão dos preços dos produtos agrícolas, não há necessidade de tabelar nada, é só limitar as exportações. Aí vai sobrar alimentos na mesa do povão e com preços acessíveis. O problema é que temos um governo comprometido com o agronegócio e o povo que se dane.

  • Rafael

    Querem privatizar o país!!! Quero ver depois que tudo estiver nas mãos dos chineses….

    • Felix

      É possível os chinezes serem gerentes bem mais capazes.

      • Jorge Teixeira Carneiro

        Com certeza eles são bem melhores.
        Assista o documentário da Michele Obama a “Indústria Americana”.
        E aprenda como se faz.
        Disponível no Netflix.

    • Jorge Teixeira Carneiro

      Que nada!
      Vai ser ótimo!
      Os chineses são seguidores de Karl Marx, o sujeito que criou a melhor ideologia do mundo para beneficiar o Proletariado e o Campesinato.
      Lá na China não existe capitalismo, não tem patrões e o povo é dono dos meios de produção.