O que dizem os políticos que aparecem nos papéis da Odebrecht

Benedicto Barbosa Silva Júniorbjcorrupção eleitoraleleiçõeseleições 2010Eleições 2012Eleições 2014financiamento eleitorallista da OdebrechtOdebrecht Infraestrutura
Comentários (3)
Comentar
  • Valdir

    Vai ser um trabahão para definir o que é o que. Em 2012 eu fiz as prestações de contas de 23 candidatos e de dois partidos. Puxei por curiosidade a prestação de contas do prefeito de São Paulo (achei estranha sua resposta). Fica a pergunta de como o TRE aprovou suas contas, pelo seguinte motivo:
    Ele diz não ter recebido nada da Odebrecht. Realmente não consta na prestação. No entanto consta um valor de R$ 24.019.437,14 (mais de 24 milhões) recebidos do Comitê Financeiro Único. Porém consta como doador, ele mesmo, o candidato Fernando Hadddad, e não o nome de quem doou ao Comitê Financeiro, como deveria ter sido lançado! Estranho, não? O TRE tem que se explicar também.
    E assim, deve ter jogada em todos os que receberam dinheiro advindo de corrupção!
    Vai dar um trabalhão, mas vale a pena. A justiça não pode perder a oportunidade de começar a passar o Brasil a limpo! STF, vamos trabalhar! E para os que não têm Foro Privilegiado, MORO NELES!

  • Pacificador

    No MENSALÃO DO PT, o Dilúvio Soares (preso, claro…), encarregado de encher o caixa o do partido, dizia que eles não tinham CAIXA 2, tinham “Recursos Não Contabilizados”….
    Agora, eles, OS LADRÕES de sempre, criaram as “Doações Não Contabilizadas”.
    E também agora, ninguém sabe de nada e faz cara de inocente.
    Para aqueles que AINDA ACREDITAM que só na conversa, tiraremos esses canalhas do poder, percam a esperança, bandido só respeita UMA COISA….

    • Valdir

      Está cada vez mais próximo meu amigo!