Desembargadora que postou fake news sobre Marielle causa polêmica desde 1986, quando foi presa

AMBAMEPEAnthony garotinhoAssociação dos Magistrados BrasileirosAssociação dos Magistrados de PernambucoCNJComando VermelhoConselho Nacional de Justiçacrimecrime organizadocrise brasileiraDireitos humanosFacebookfake newsJean WyllysJudiciáriomafia dos ingressosmagistraturaMarfan Martins Vieiramarielle francoMarilia Castro NevesMinistério PúblicopicturesPsolRio de JaneiroRosinha Garotinhosérgio cabralviolência
Comentários (0)
Comentar