Com 80 dias de mandato, lua de mel acaba e Bolsonaro enfrenta seu pior momento no Congresso

Jair BolsonaroOnyx LorenzoniPaulo Guedesreforma da previdênciaRodrigo MaiaSérgio Moro
Comentários (4)
Comentar
  • Tereza Thompson

    Mas nesse embate so caira quem tem crimes de corrupcao, e nao e o meu Presidente Bolsonaro, logico! Como ele mesmo disse, entregou o projeto e a casa que faca o trabalho, debatendo-o para que seja votado. O resto e independencia entre os poderes. Nao e o governo que esta desorganizado, quem esta se recusando a fazer o seu trabalho nao e o Executivo que esta a todo vapor.

  • Edison Sampaio

    Bolsonaro poderia ser o “Salvador da Pátria” (e ainda há tempo para isso), mas tem se desgastado por ser portador de uma burrice incontrolável. Aliás, por ter formado um bom ministério, tem condições de tirar o Brasil do atoleiro em que se encontra. Mas porque seus ministros, que são sérios e comprometidos, não o seguram e nao o orientam? Não sei, mas receio que Bolsonaro não aceite opiniões ou orientações e comporte-se como um chefe e não como um líder.
    Tirando alguns ministros problemáticos e perigosos, como a Damares dos Direitos Humanos; o colombiano da Educação; o das Relações Exteriores; o do Turismo; tirando os filhos inconseqüentes e ingerentes e o acesso de Bolsonaro às redes sociais e, por fim, tapando a boca de Bolsonaro com esparadrapo, creio que Bolsonaro poderia sr um estadista (kekeke!!!). Do contrário, cairá por besteiras. Outra coisa: o Brasil faz um excelente papel quando busca relacionar-se bem com os EUA. Deveria fazer isso com todos os países do mundo, mas daí a bancar o subserviente já é demais. Teria Bolsonaro se apaixonado pela cabeleira do Trump?

    • Tereza Thompson

      Ele nao se tornou subsderviente a Trump porque o admira como a maioria do povo do Brasil e dos Estados Unidos. Para voce, ministros “problematicos” sao aqueles que sempre colocam Deus acima de tudo? Isso e criminoso mesmo? Os filhos de Bolsonaro sao indepententes e se mantem a si proprios e nao sao os “da Siilva” que eram sustentados por empreiteiras. Bolsonaro nao aceita interferencias porque ele sabe o que faz. e seria bom que quem nao o apoia nao o atrapalhasse, falando mal dele e acirrando ainda mais o odio dos insanos esquerdistas do inferno! Deixe-o em paz. Va la pedir o “lulalivre” que hoje completa 351 dias de xilindro.

  • Roberto Cunha

    E segue o baile no laranjal do Bozo. Tá bonito! As pesquisas comprovam isso.