Novo Refis abre brecha para corruptos parcelarem dívidas com descontos

crise brasileiradívida ativa da uniãoeconomiaeconomia brasileiraMPNewton Cardoso Jr.PGFNrefisrenegociação de dívidasSindifisco Nacional
Comentários (0)
Comentar