Acordo de Alcântara trará avanços, mas tirará 800 famílias de suas terras

acordo Brasil Estados UnidosAcordo de AlcântaraAlcantarabase espacialbase militarcoalizão negra por direitoscomunidades quilombolasEduardo BolsonaroFlávio DinoInstituto Socioambientallançamento de satélitesmiserabilidadequilobolasquilombotitulação de terras
Comentários (11)
Comentar
  • Valdir

    É uma situação de difícil solução. Há muita controvérsia nas várias histórias de quilombolas. Passei a noite assistindo vários documentários.
    Começa pelo fato de que na realidade são poucos os Quilombolas que realmente têm origem na luta dos escravos. A maioria surgiu de movimentos sociais contemporâneos que se apropriaram do discurso e começaram a criar vários Quilombolas para se beneficiarem dos mesmos direitos que os originais obtiveram.
    Segundo, dependendo do que se quer mostrar, você vê documentários de ONG’s que mostram o lado sentimental dos habitantes com a terra (normalmente os mais velhos), e às vezes acaba deixando controvérsia. Me chamou atenção um em que um pescador que constrói barcos, a repórter perguntou se ele passava o conhecimento de geração a geração e ele responde que os jovens de hoje não querem saber de aprender fazer barco.
    Se por outro lado a ideia é querer mostrar que o governo os abandona, aí o discurso já não é de sentimento com a terra, mas sim que eles querem que seus filhos estudem, tenham um futuro melhor que o deles. Aí perguntam às crianças: “O que você quer ser quando crescer?”. “Eu quero ser médica!”.
    Mas como se desenvolver sem que o desenvolvimento chegue até à comunidade? Como querer se desenvolver sendo contra o desenvolvimento?
    Tem que ter muita sabedoria para se chegar a um bom termo nessa questão.

  • Eduardo

    Não vão tirar as terras e sim transferir estes moradores para um lugar melhor…..e a maior parte deles terem um emprego e melhor condição de vida….A UOL tem que parar de fazer reportagem mentirosas…a grande maioria dos quilombolas ou seja mais de 90% esta a favor…mas a UOL fica cantando militante do PT para fazer entrevista…..UOL O BRASIL MUDOU…

    • Lyz Zyl

      MAV do Laranjal atacando ….claro pago com a grana que podia ajudar os quilombolas, mas negros…claro que só levam é pa na cara!

  • Ivan C. Brito

    Tirem logo esse povo daí, o Brasil tem pressa!

  • José Augusto

    as famílias não serão expulsas!! mas sim retiradas e devidamente indenizadas, PÁRA DE MENTIR Congressinho em foco suas fake news não convencem mais ninguém!!

  • ezequiel-sp

    O Brasil está cheio de terras improdutivas e aparecem famílias justamente numa área que será utilizada. Pode isso Arnaldo?

    • Lyz Zyl

      é por fogo nelas né….
      E dai que não esta tudo virado em pasto….inteligenteeeeeeeeeee

  • Lyz Zyl

    TENHO certeza que o Guedes e o Bozo arranjam das pessoas de la se meterem em favelas e nas ruas do RJ ao Maranhão pra virarem de vitimas de balas a criminosos.
    O progresso deles é deste tipo : O Diabo vendo que Deus fez um beija flor imediatamente fez um morcego….

    • Eduardo

      Estas pessoas merecem uma vida melhor…chega de viver com a migalha do Bolsa Família…eles vão ter mais empregos e uma vida decente…o Brasil mudou e a militância do PTD ainda dnão viuj isto?

      • Lyz Zyl

        E pq o governo nunca deu infraestrutura para elas desenvolverem projetps agricolas não é? Ah esqueci tinha de dar grana pras filhas de milicio, pro STF comer lagosta e pro Bozo ir na ONU dizer asneiras…

        • Valdir

          Essas famílias foram remanejadas em 2003 no governo do Ladrão Lula. Por que os governos do PT (2003-2015) não deram infraestrutura para essas famílias?
          Ah! Sim, esqueci, tinham que dar milhões para a JBS, Cuba, Venezuela, pro Lulinha, pro “control C” “control V”, 11 milhões para a revendedora da Avon, pagar palestras, os superfaturamentos da Odebrecht, OAS, etc…