Pró-intervenção militar, general Mourão disputará eleições presidenciais

Exércitogeneral mourãointervenção militarLevy FidelixPRTB
Comentários (2)
Comentar
  • Aristóteles Barros da Silva

    Está faltando espelho por aí?

  • Valdir

    Amanda Audi, acho que ele ficou conhecido em 2015, quando criticou publicamente o governo Dilma e defendendo a Intervenção já naquele ano. Ele era o comandante da região sul, e foi então transferido para Brasília por conta das declarações, lembra?
    Acho uma imbecilidade do Fidélix querer rachar a direita. Por que não lançar o General Mourão candidato a senador? Caso não seja eleito (acho que tem mais chances para o senado), é um forte nome para ministro da Defesa.