TSE cassa mandato de deputado por espalhar fake news

fake newsFernando FrancischiniJair BolsonaroMourãoTSE
Comentários (2)
Comentar
  • NELOSN OLIVEIRA

    Tudo que nós plantamos, colhemos. Parabéns aos ministros do TSE e o promotor pela coragem, pelo principio, início. Com essa decisão nós vemos um pouco de luz no final do túnel. Justiça! Justiça!

  • LUIZ SIMONI

    NO PARAGUAI, O VOTO É AUDITÁVEL. O ELEITOR CHEGA NA URNA ELETRÔNICA, DIGITA O NÚMERO DE SEU CANDIDATO, QUANDO APERTA O CONFIRME, UMA IMPRESSORINHA AO LADO DA ELETRÔNICA IMPRIMEO VOTO. O ELEITOR CONFERE O VOTO, DOBRA E PÕE EM UMA URNA.