Governo Bolsonaro já passa de 30 militares em postos-chave

bento albuquerquegeneral Augusto Helenogeneral fernando azevedo e silvageneral hamilton mourãogeneral Santos Cruzgoverno BolsonaroMarcos Pontesmilitares no governomilitares no podertarcísio gomes
Comentários (4)
Comentar
  • Bento Sartori de Camargo

    É fundamental que esses escalões do governo federal seja composto por militares de pijama, pois todos tem nítida noção de Pátria, Disciplina e não toleram CORRUPÇÃO, afinal alguém tem de “botar ordem nesse galinheiro” e não tem sido os civis “eleitos” e infelizmente “reeleitos”. Chega de politiqueiros no Poder!.

  • Edison Sampaio

    Perdão, mas o articulista quer passar impressão distorcida e tendenciosa. O governo Bolsonaro não é um governo militar, mas um governo composto por cidadãos brasileiros que EXERCERAM a profissão de militares e que gozam de todos os direitos e deveres. Todos esses cidadãos já foram APOSENTADOS, não representam diretamente as Forças Armadas, e são detentores de currículos invejáveis (é conferir para constatar). Ninguém pode duvidar da capacidade técnica e isenta do ministério Bolsonaro. Foi o gabinete melhor montado nos últimos tempos, sendo todos os ministros escolhidos a dedo. Posso até desconfiar da capacidade pessoal de Bolsonaro, pois sempre o achei meio burrão, mas seu gabinete é impecável. Nisso se assenta o grande mérito do que será o governo Bolsonaro. Em menos de um mês de governo, já antevejo muito bom progresso para o Brasil. Com ordem. No entanto, verdade seja dita, Bolsonaro precisa ser contido em seus impulsos de burrice e, especialmente, protegido pelos respingos de lama espirrados por seus filhos e assessores (kekeke!!!).

    • Valdir

      EXCELENTE!

      • Edison Sampaio

        Valdir, elogiei com sinceridade os ministros de Bolsonaro, mas a Damares, olha, a Damares já promete ser uma pedra no sapato…!