Bolsonaro recua e diz que ameaças foram feitas no “calor do momento”

Alexandre de MoraesAvenida PaulistaJair Bolsonarosete de setembroSTFsupremo tribunal federal
Comentários (0)
Comentar