Bolsonaro oficializa Victor Godoy no MEC, mas deixa aberta chance de retorno de Milton Ribeiro

Publicidade
Escândalo do MECJair BolsonarolobbyMilton RibeiroMinistério da EducaçãoPastores evangélicosVictor Godoy
Comentários (0)
Comentar