Bolsonaro aproveita da polêmica de Lula e reafirma que seu governo é contra o aborto

abortoeleições 2022Jair Bolsonarolegalização do AbortoLulaMarcelo Queiroga
Comentários (0)
Comentar