Colunistas

Brasília ganha novos endereços culinários

“Além dos cafés e padarias gourmets especializadas em pães artesanais, há ainda novos bares de vinho que, aos poucos, vão consolidando clientela cativa”

É sempre interessante acompanhar a movimentação da cena gastronômica na capital federal. A coluna já abordou o fato de muitas casas culinárias continuarem lotadas e com filas, mesmo em tempos de grave crise econômica. Pois o cenário culinário de Brasília continua dando mostras de que vai muito bem, obrigado!

Na 103 Norte surgiu o simpático e acolhedor Le Parisien, que traz para a capital as delícias da cozinha francesa. Entre os pratos, estão os clássicos quiches, tartines, terrines, escargot e foie gras. A carta oferece drinks e vinhos em garrafa e taça. Serviço correto e atencioso, uma boa pedida para se ir desfrutar de bons momentos com amigos e saborear quitutes consagrados há séculos. O esmero no preparo da ambientação de cenário de bistrô francês é mais um testemunho do profissionalismo da equipe.

Mas há mais! Até 8 de novembro, os brasilienses podem aproveitar o ambiente descolado e moderninho do Mosaico, restaurante que o chef Paulo Tarso lançou para a Casa Cor 2017, na QI 9 do Lago Sul. Da decoração aos drinques e opções do cardápio, passando pelo atendimento atencioso, a nota é bem alta.

Miriam Moura

“Cenário culinário de Brasília continua dando mostras de que vai muito bem, obrigado!”, observa colunista

As bebidinhas são feitas para surpreender e as combinações de sabores dos pratos também são um ponto alto. Testei um croquete de bochecha de kobe com queijo cremoso da serra da Canastra. Acompanhei com o drink Suave (vinho branco, Limoncello e gelo), porque na tarde daquele sábado estava quase 40 graus! Há comidinhas descoladas e saborosas de culinárias de diversas partes do mundo. O restaurante é uma versão laboratório, que poderá ser transformado depois em um espaço gastronômico permanente.

E há também a novidade do Grand Bistrô Paris 6, que está funcionando no Shopping ID desde agosto. A cozinha é capitaneada pelo chef William Chen (ex-Babel, antes de partir para um sabático em grandes casas na Europa). O bistrô é o preferido de celebridades nas casas em São Paulo e Rio.  O cardápio inclui pratos que homenageiam brasilienses famosos. O DJ Alok ganhou um salmão grelhado com penne ao pesto de manjericão e abobrinha refogada no azeite de oliva. Há muitas sobremesas com nomes de famosos de várias áreas.

A cena culinária da capital continua ganhando novos endereços para atender a paladares diversos. Além dos cafés e padarias gourmets especializadas em pães artesanais, há ainda novos bares de vinho que, aos poucos, vão consolidando clientela cativa. Para quem ainda não foi conferir, a coluna indica a Estação dos Vinhos, na 413 Norte. Toda segunda-feira, a casa oferece uma degustação do vinho da semana. A partir das 21h, disponibiliza uma taça de 50ml gratuita. Simpático, não?

 

<< Mais da autora: Terceiro polo gastronômico, Brasília atrai restaurantes consagrados do eixo SP-Rio

Continuar lendo

Sobre o autor

Miriam Moura

Miriam Moura

Miriam Moura é jornalista, com larga experiência na cobertura política em Brasília. Trabalhou em jornais como O Globo, O Estado de S. Paulo e foi assessora de Comunicação em tribunais superiores, como STJ, TST e CJF. É diretora de Consultoria e Treinamentos na Oficina da Palavra e In Press Oficina.

Outros textos de Miriam Moura.

Curtir Congresso em Foco no Twitter e Facebook:




Publicidade Publicidade