Wellington Dias (PT-PI)

O senador é alvo de dois inquéritos no Supremo por atos relacionados à sua gestão à frente do governo do Piauí. No Inquérito 3196, é investigado por peculato em procedimento que apura o seu envolvimento em irregularidades na construção de um trecho do metrô de Teresina. Já no Inquérito 3363, responde por prevaricação e crimes contra a vida por causa do rompimento de uma barragem no interior do estado, em 2009, que deixou nove mortos e 2 mil desabrigados.

Continuar lendo

Publicidade Publicidade