Votação do Prêmio Congresso em Foco entra na reta final

Prazo para votação pela internet acaba às 23h59 do próximo sábado, dia 30 de setembro

 

A votação para escolher os parlamentares que melhor representam a população no Congresso acaba em três dias, em 30 de setembro. A décima edição do Prêmio Congresso em Foco vai premiar os deputados e senadores escolhidos pelos internautas, por jornalistas e por um júri de alto nível, novidade desta 10ª edição do prêmio. A solenidade premiação será no dia 19 de outubro, em Brasília.

Na última parcial divulgada pelo site antes do encerramento da votação, os campeões de votação eram o senador Magno Malta (PR-ES) e o deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), com 50.832 e 45.292 votos validados até as 23h59 do dia 20 de setembro, respectivamente. A votação pela internet mobiliza verdadeiras campanhas digitais, que são permitidas pelo regulamento. Antes de serem validados, todos os votos passam por auditoria interna, além de estarem sujeitos a auditoria externa, a cargo da Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF).

Dianteira

Malta e Bolsonaro se descolaram dos segundos colocados por larga vantagem desde as primeiras parciais. A segunda colocada na lista dos senadores, Ana Amélia (PP-RS) tinha 19.350 votos, menos da metade dos votos do senador capixaba. Alvaro Dias (Pode-PR), figurava em terceiro, com 14.981. Já entre os deputados, Jean Wyllys (Psol-RJ) era o vice-líder, com 17.040 votos no dia 20. O companheiro de bancada, Chico Alencar (Psol-RJ) era o terceiro do ranking, com 14.586.

Os resultados das votações dos jornalistas e do júri só serão revelados no dia da premiação. Ao todo 73 profissionais de imprensa que cobrem as atividades da Câmara e do Senado ou se dedicam à cobertura política em Brasília foram consultados entre os dias 4 e 11 de setembro. O júri também selecionará os parlamentares que serão premiados a partir de critérios como a assiduidade em sessões deliberativas, participação nos debates do Parlamento, o desempenho na apresentação de propostas legislativas, a capacidade de articulação política e os compromissos no combate à corrupção, entre outros.

O colegiado é composto pelo advogado e consultor empresarial Guilherme Cunha; a auditora de controle externo e ativista de movimentos sociais Lucieni Pereira da Silva; o analista político Antônio Augusto de Queiroz, que acompanha as atividades do Congresso para o movimento sindical; o professor da Universidade de Brasília Ricardo Caldas, e o jornalista Sylvio Costa, fundador do Congresso em Foco.

O Prêmio Congresso em Foco teve o patrocínio e apoio da AmbevAnabbGoverno de Mato GrossoUberAPCFAnffa SindicalSinprofazAnfipAnadefAMBCiclo de GestãoFebrafiteAbrigOAB-DFSindicato dos Jornalistas

<< Crise só aumenta necessidade de valorizar o Congresso, diz Febrafite

<< Eduardo Bolsonaro e Magno Malta lideram votação popular do Prêmio Congresso em Foco


Patrocínio:


Apoio:

 

Apoio Institucional:

Continuar lendo

Publicidade Publicidade