Quarta, 20 de Agosto de 2014

Lobão Filho: faltas são “nada” para quem quase perdeu a vida

Senador que mais acumulou ausências na Casa em 2011 diz que é preciso ter “sensibilidade humana” com seu caso e que não é um parlamentar “faltoso” e “sem zelo pela coisa pública”

Lobão Filho já era o senador mais ausente mesmo antes de ter sofrido um acidente automobilístico

Em nota enviada ao Congresso em Foco, o senador Lobão Filho (PMDB-MA) diz que as 59 faltas que acumulou no ano passado foram “nada” para quem, como ele, quase perdeu a vida em um acidente automobilístico em maio de 2011. Levantamento sobre assiduidade publicado hoje (29) por este site mostra que nenhum outro parlamentar somou mais ausências no Senado, no ano passado, do que Lobão Filho. Na Câmara, o posto de mais ausente ficou com a deputada Nice Lobão (PSD-MA), mãe do senador e esposa do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA). Ela compareceu a apenas 20 dos 107 dias com sessão na Câmara ano passado. Mesmo assim, recebeu mais de R$ 400 mil apenas em salários.

Família Lobão é campeã de faltas no Congresso

Mãe e filho atribuíram suas ausências a problemas de saúde, como informou o Congresso em Foco. Na nota, Lobão Filho reconhece que a reportagem destacou a gravidade do seu acidente, mas diz que faltou “sensibilidade humana ao texto” para compreender suas ausências. Ele ressalta que não é um “senador faltoso e sem zelo pela coisa pública”.

Mas o senador já aparecia como o mais faltoso no primeiro semestre do ano passado antes mesmo do acidente, como mostrou levantamento feito à época pelo Congresso em Foco. Nice Lobão foi a mais ausente no período e também em toda a legislatura passada. As pesquisas são baseadas nos registros oficiais da Câmara e do Senado. A reportagem também destaca que, mesmo com as ausências acumuladas, Lobão Filho foi mais atuante do que a mãe em 2011, apresentando projetos e atuando como vice-presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).

Na nota, Lobão Filho ignora que este site divulga o levantamento sobre a assiduidade a cada semestre. Ele atribui a matéria ao “quadro da sucessão presidencial” do Senado. O pai dele, que é senador licenciado, é cotado para concorrer à presidência da Casa no próximo ano.

Confira a íntegra da nota enviada pelo senador:

“Sr. Editor,

Sobre a reportagem do site Congresso em Foco cujo título é ‘Família Lobão é campeã de faltas no Congresso’, quero registrar o meu veemente protesto e decepção pela total insensibilidade humana do texto ali publicado.

Como é do conhecimento público, sofri, em maio do ano passado, grave acidente automobilístico no Maranhão, o que me levou a ficar em estado de recuperação por longo um período. Embora isso tenha sido mencionado no texto da reportagem, a intenção clara foi tentar desqualificar a atuação desse parlamentar, como se eu fosse meramente um senador faltoso e sem zelo pela coisa pública.

Faltou, sim, sensibilidade na matéria, porque, para uma pessoa que ficou um mês internado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e quase perdeu a Vida, essas faltas das sessões do Senado Federal em 2011 são nada.

A Família entende que matérias como essas vão ocorrer sistematicamente, até que se defina o quadro da sucessão pela Presidência do Senado.

Espero que o site Congresso em Foco pondere, em nome da boa informação, os diversos aspectos humanos, e muitas vezes dramáticos, que envolvem as pessoas em determinados momentos de suas vidas antes de tentar atingir a imagem alheia, como ocorreu nesse caso como este Senador.

Atenciosamente.

Senador Lobão Filho”

Curtir Congresso em Foco no Twitter e Facebook:

Deixe um comentário

comments powered by Disqus
Publicidade Publicidade