Quarta, 29 de Março de 2017

Ex-secretários furtam prefeitura fantasiados de fantasma

Ex-servidores procuraram a polícia para contar que são eles as duas pessoas que aparecem cobertas por lençol carregando impressora da prefeitura do Novo Gama nos primeiros minutos de 2017

Fantasmas? Ex-secretários disseram que beberam muito e queriam assustar guarda. Mas segurança diz que não viu a dupla nem ouviu barulho

Acabou o mistério: dois ex-secretários municipais de Novo Gama (GO), município do Entorno do Distrito Federal, admitiram à polícia ser os dois “fantasmas” que aparecem furtando objetos da prefeitura nos primeiros minutos do dia 1º de janeiro. Os dois foram flagrados em imagens de câmeras de segurança, transportando uma impressora e um computador pelos corredores do centro administrativo da cidade. Até ontem, porém, a identidade da dupla era desconhecida.

O ex-secretário de Transportes Carlos Alarcom Cartaxo Martins e o ex-secretário de Desporto, Lazer e Turismo Adriano Marques Tavares se apresentaram à delegacia nessa segunda-feira (9). Os dois contaram que beberam muito na festa de réveillon e resolveram se cobrir com lençóis brancos para “assustar os guardas”. O único segurança que estava no prédio  afirmou aos policiais que não viu a dupla nem ouviu barulhos.

Como não houve flagrante, os dois ex-secretários vão responder a processo por peculato (desvio ou apropriação indevida por funcionário público) em liberdade. Segundo o delegado Fellipe Guerrieri, que cuida do caso, Carlos Alarcom admitiu, informalmente, sua participação no episódio, mas preferiu se manter em silêncio durante o depoimento.

Conforme o delegado, Adriano disse que, após beberem bastante, ele e o amigo resolveram levar uma “recordação” da prefeitura, no caso, uma impressora. O ex-secretário negou, no entanto, que eles tenham levado o computador que, de acordo com a prefeitura, também desapareceu naquela madrugada.

Mais sobre Goiás

Continuar lendo

Curtir Congresso em Foco no Twitter e Facebook:

comments powered by Disqus
Publicidade Publicidade