Emanuel Fernandes (PSDB-SP)

Responde a Inquérito 2588 (crimes de responsabilidade e da Lei de Licitações).

“O deputado acredita no arquivamento do referido inquérito. Ele esclarece também que todas as suas contas referentes aos oitos anos de mandato como [de São José dos Campos] foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado”, afirma a assessoria.

Leia a íntegra da resposta:

“O deputado Emanuel Fernandes acredita no arquivamento do referido inquérito. O questionamento do Ministério Público se deve à extensão do programa de alimentação aos servidores públicos municipais de São José dos Campos (SP) durante o exercício do mandato como prefeito da cidade no período de 1997 a 2004. O MP questiona o fato de os servidores da Câmara Municipal e da administração indireta terem sido incluídos no processo licitatório para fornecimento de vales alimentação e refeição no início do primeiro mandato. A medida foi tomada com base na lei municipal 066/94, votada e implantada na administração anterior, que estendeu o benefício para funcionários da administração indireta e fundacional, conforme esclarecimentos já prestados no referido inquérito. O deputado Emanuel Fernandes esclarece também que todas as suas contas referentes aos oitos anos de mandato como prefeito municipal foram aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.”

Continuar lendo

Publicidade Publicidade