É preciso se colocar “no lugar do outro” antes de votar projetos, defende Paim

Paulo Negreiros / Congresso em Foco

Senador pediu que colegas se coloquem no lugar dos que mais sofrem no país. "Com certeza nós estaremos trabalhando para construir um mundo melhor para todos"

 

É preciso se colocar no lugar do outro antes de votar qualquer projeto, foi o que defendeu o senador Paulo Paim (PT-RS) no Prêmio Congresso em Foco 2017. O senador ressaltou que a política brasileira passa por um momento difícil, mas que é preciso valorizar a democracia e assegurar os direitos dos cidadãos.

<< Paulo Paim e Jean Wyllys, os destaques na seguridade social

“Só queria pedir a todos os senhores, na hora de votar qualquer projeto, se coloquem no lugar do outro. Do favelado, dos que vivem nas palafitas, dos negros, dos índios, das mulheres, das crianças, dos que mais sofrem neste país. Com certeza nós estaremos trabalhando para construir um mundo melhor para todos”, disse Paim, celebrando a liberdade e a democracia.

O senador foi considerado pelo júri o parlamentar que mais se destaca no combate à corrupção e ao crime organizado em 2017. Paim afirmou que o Brasil passa por um momento de ataque aos direitos conquistados e, para ele, o prêmio valoriza a política e a democracia. Ele também criticou a reforma da Previdência, uma das pautas mais defendidas pelo governo e que deve ser desidratada na Câmara para ser aprovada. “Cobrem os grandes devedores e não tirem os direitos do povo brasileiro”, disse o senador.

Veja a íntegra do discurso do senador no Prêmio Congresso em Foco 2017:

 

O Prêmio Congresso em Foco teve o patrocínio e apoio da AmbevAnabbGoverno de Mato GrossoUberAPCFAnffa SindicalSinprofazAnfipAnadefAMBCiclo de GestãoFebrafiteAbrigOAB-DFSindicato dos Jornalistas

<< Os premiados e os votos de cada parlamentar no Prêmio Congresso em Foco 2017

<< Veja imagens do Prêmio Congresso em Foco 2017

<< Informação incentiva melhora no país e combate apatia política, afirma Chico Alencar

Patrocínio:


Apoio:

 

Apoio Institucional:


Continuar lendo

Publicidade Publicidade