Definido o regulamento do Prêmio Congresso em Foco

Foto: Paulo Negreiros/Congresso em Foco

Premiado em todas as edições de que participou, o ex-senador Pedro Simon foi um dos homenageados em 2015

 

Passado o prazo para receber sugestões de aprimoramento, estamos publicando nesta segunda-feira (21) a versão definitiva do regulamento do Prêmio Congresso em Foco 2017.

Nesta que será a décima edição do projeto, pela primeira vez os melhores deputados e senadores do país serão definidos em três frentes de avaliação. Um júri de alto nível composto por representantes da sociedade civil também vai participar da votação, somando-se às tradicionais escolhas feitas pela população, na internet, e pelos jornalistas que cobrem o Congresso Nacional. Essa é apenas uma das novidades previstas no regulamento divulgado hoje e que ficou aberto para consulta pública entre os últimos dias 11 e 18.

O júri será integrado por representantes das áreas empresarial, trabalhista, acadêmica, do terceiro setor e do próprio Congresso em Foco. Os nomes dos jurados serão conhecidos na próxima sexta-feira (25).

Poderão ser votados os parlamentares que não respondam a inquérito ou ação penal no Supremo Tribunal Federal (STF) e que tenham exercido o mandato por pelos menos 60 dias desde o início do ano legislativo, em 2 de fevereiro.

<< Confira a íntegra da décima edição do Prêmio Congresso em Foco

De acordo com o regulamento, deputados e senadores excluídos da relação preliminar publicada na sexta passada poderão reivindicar, até esta quarta-feira (23), a sua inclusão, “munidos dos documentos pertinentes, seja para demonstrar que não respondem a qualquer acusação criminal no STF, seja para atestar que exerceram mandato por 60 dias ou mais durante o presente ano”. Analisadas as contestações, a lista final dos parlamentares aptos a serem premiados será publicada em 25 de agosto.

<< Saiba quem são os parlamentares aptos a disputar o Prêmio Congresso em Foco 2017

Os parlamentares mais bem avaliados pelos jornalistas continuarão sendo distinguidos, após serem selecionados pelos profissionais de imprensa encarregados da cobertura do Congresso Nacional. A votação entre os profissionais de imprensa se dará entre 4 e 11 de setembro. Já a votação na internet começa no dia 1º de setembro e vai até o dia 30. Os vencedores em todas as categorias serão conhecidos na cerimônia de premiação, em 19 de outubro.

Criado para valorizar a atividade política e o papel do Legislativo no que eles têm de mais nobre e útil à sociedade, o prêmio combate a imagem de que todos os políticos são iguais. Também procura destacar a necessidade de valorizar os bons exemplos para melhorar a qualidade de um Parlamento tão pródigo em produzir vexames.

“Precisamos reagir contra a desqualificação da política e dos políticos, mesmo correndo o risco de premiar hoje políticos que no futuro podem se revelar piores do que imaginamos”, afirma o fundador do Congresso em Foco, Sylvio Costa. “Porque pior mesmo é o ceticismo que nos oprime e nos imobiliza, nos impedindo de perceber a diferença entre pessoas dedicadas e competentes e bandidos que andam com o broche de parlamentar na lapela”, completa ele.

A décima edição do Prêmio Congresso em Foco é patrocinada pela Ambev, pelo governo de Mato Grosso e pela Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (Anabb), tendo ainda o apoio da Associação dos Peritos Criminais Federais (APCF), da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip), Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Anffa Sindical), Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite), do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal e da Associação Brasileira de Relações Institucionais e Governamentais (Abrig).

<< No ar, edição histórica do Prêmio Congresso em Foco

Patrocínio:

 

Apoio:

 

Apoio Institucional:


Continuar lendo

Publicidade Publicidade