Notícias

Dilma e Lula receberam u$ 150 milhões em contas do dono da JBS no exterior

Lula e Dilma receberam US$ 150 milhões e sabiam das movimentações por Guido Mantega, diz dono da JBS

De acordo com o empresário Joesley Batista, o dinheiro ficava em duas contas operadas em seu próprio nome, sendo uma para Dilma e uma para Lula. Os extratos da conta eram levados ao ex-ministro Guido Mantega, que repassava aos ex-presidentes

Continue lendo...
Joesley Batista, dono da JBS, firmou acordo de delação premiada com o MPF

Saiba tudo que a JBS revelou sobre pagamentos indevidos a políticos e servidores públicos

Resumo feito pela Procuradoria-Geral da República aponta valores que, segundo a delação premiada de Joesley e Wesley Batista, foram repassados a algumas das principais lideranças políticas do país, como Temer, Lula, Dilma, Aécio e Serra

Licitação para compra de lanches e refeições para o avião presidencial, no valor de R$ 1,75 milhão, foi cancelada após críticas sobre pedido de sorvetes importados e creme de avelã

Fachin: Temer deve esclarecimentos em nome da “estabilidade social” e econômica; veja a íntegra do inquérito

No documento em que avisa o presidente sobre sua decisão de abrir inquérito contra ele, relator da Lava Jato cita inquietação na Bolsa de Valores e paralisação do Congresso para cobrar explicações do presidente

Rodrigo Rocha Loures foi filmado recebendo mala com R$ 500 mil entregue por emissário de Joesley Batista

De volta ao Brasil, deputado filmado recebendo dinheiro da JBS é hostilizado em aeroporto

Rodrigo Rocha Loures, afastado das funções parlamentares pelo STF, desembarcou no Brasil no começo da manhã e foi chamado de bandido e ladrão. Ele é acusado de receber R$ 500 mil para interceder em favor da JBS no governo

“The Mona Lisa”

Charlatanismo – o uso de Lula como ameaça a investimentos

A experiência do colunista ao primeiro contato com o grupo Empiricus. “Ao fim da leitura, concluí que eles estão mais para charlatões do que alguém que agiria por experiência e análise do mercado”

Denúncias contra Aécio e Temer são o assunto mais comentado no Twitter desde o início de 2016

Denúncias contra Aécio e Temer superam impeachment de Dilma no Twitter

O assunto gerou mais repercussão do que a votação do impeachment da ex-presidente Dilma na Câmara, em 17 de abril de 2016, e foi também o mais comentado desde o início do ano passado na rede social, mostra levantamento

Lungaretti: “The Mona Lisa”

Temer cai? Temer fica? De que importa? Há substitutos aos montes na classe dominante

Celso Lungaretti diz que “os donos” do país escolhem quem quiser “para o mesmo papel”. “Presidente não passa de um miquinho amestrado da classe dominante. A burguesia está no poder e o presidente, de um jeito ou de outro, acaba sempre a ela servindo”

Mesmo alvejados, tucanos optam por manter cargos no primeiro escalão do governo Temer

Ministros do PSDB e do PP permanecem no governo; no PPS, um fica e outro sai

Tucanos mantém quatro ministros na gestão Temer e alegam “a responsabilidade do partido com o país, em meio à crise sem precedentes que atinge o Brasil”

O senador Aécio Neves se licenciou da presidência do PSDB para cuidar de sua defesa na Lava Jato

Aécio se licencia da presidência do PSDB e diz que prioridade é “provar absurdo das acusações”

Tucano passou a tarde reunido com seus colegas de PSDB e, ao final, escolheu o senador Tasso Jereissati (CE) para ocupar sua vaga no comando da legenda

Senadores protestaram contra Temer durante boa parte desta quinta-feira (18)

Oposição promete parar o Congresso até renúncia ou impeachment de Temer

Legendas de oposição criaram nesta quinta-feira (18) o comitê Pró-Democracia para coordenar as ações contra o governo. Temer promete resistir e tentar dar andamento às reformas da Previdência e trabalhista

A Justiça do DF decretou falência do distrital

Justiça do DF decreta “falência” da pessoa física do distrital Cristiano Araújo

O pedido de insolvência foi ajuizado pela empresa Carvalho & Koffes Ltda – EPP, que alegou ser credora do deputado no valor de R$ 1.441.887,88

Caminhão cheio de documentos do PMDB

PMDB nega destruição de documentos na sede em Brasília

Material de informática e documentos não-contábeis foram fotografados por manifestantes sendo transferidos da tesouraria da legenda para a nova sede. Movimentação foi denunciada como queima de arquivo

Manifestantes pedem "fora, Temer" em Porto Alegre

Manifestantes pedem renúncia de Temer em Porto Alegre

Na capital do Rio Grande do Sul, manifestação começou por volta das 18h

Sombras: Temer chega ao auditório do Planalto para pronunciamento nesta quinta (18)

Os áudios em que Temer avaliza compra do silêncio de Cunha e procurador infiltrado na Lava Jato

Em encontro suspeito monitorado pela Polícia Federal, presidente determina consecução dos repasses para que deputado cassado não revele o que sabe. Responsável pelos pagamentos foi o grupo JBS, um dos principais doadores de campanha nas últimas eleições

Aécio diz ser vítima de uma armação do empresário Joesley Batista, dono da JBS

Defesa de Aécio diz que empresário da JBS seria ressarcido com venda de apartamento da família

Aécio foi gravado negociando com Joesley Batista, dono da JBS, R$ 2 milhões sob a justificativa de que precisava pagar despesas com sua defesa na Lava Jato

seis

Vídeos: deputados e senadores apresentam alternativas para a crise política

Em entrevistas ao Congresso em Foco, parlamentares sugerem renúncia de Temer com eleições diretas, renuncia com eleições indiretas pelo Congresso e até a manutenção do presidente no cargo para a superação da crise econômica

Presidente fez pronunciamento de cerca de cinco minutos

Temer nega ter comprado silêncio de Cunha e anuncia: “Não renunciarei”. Assista ao vídeo

“Repito e ressalto: em nenhum momento solicitei ou comprei o silêncio de ninguém. Por uma razão singelíssima: não temo nenhuma delação”, declarou Temer, acrescentando que não precisa de foro privilegiado. Leia também a íntegra do discurso

Xingamentos: Osmar Serraglio, ministro da Justiça, para Aécio é “bunda mole”

Os áudios que levaram ao afastamento de Aécio; transcrição detalha pagamento de R$ 2 milhões

Em um dos áudios, de cerca de 30 minutos, tucano justifica que precisava pagar despesas com sua defesa na Operação Lava Jato. Senador usa diversos palavrões com o interlocutor e chama ministro da Justiça de “bosta de um caralho”

O tucano Bruno Araújo decidiu deixar o governo Temer

Bruno Araújo decide deixar Ministério das Cidades e é o primeiro a desembarcar do governo Temer

Sua decisão deve ser comunicada ao Palácio do Planalto nas próximas horas. Além do parlamentar, outros tucanos já ensaiam uma possível saída do governo

Jurista começou a falar com duas horas de atraso

Jurista do impeachment de Dilma pede a Temer que renuncie “pelo amor de Deus”

Para Miguel Reale, caso é para impeachment, mas processo seria menos doloroso se presidente renunciasse e o Congresso elegesse seu sucessor de maneira indireta. Segundo ele, eleição direta seria “golpe”

Fachin autorizou abertura de inquérito contra o presidente Temer na tarde desta quinta-feira (18)

Fachin abre inquérito para investigar Temer por corrupção e obstrução de Justiça

Presidente foi gravado com autorização judicial avalizando pagamento pelo silêncio de Cunha. Repasses foram garantidos pela JBS, uma das principais doadoras de campanha das últimas eleições

Randolfe Rodrigues (Rede-AP) protocolou mais um pedido de impeachment de Temer. É o terceiro em menos de 24 horas

Randolfe Rodrigues protocola terceiro pedido de impeachment de Temer

Senador também vai pedir cassação de Aécio Neves, afastado do mandato por determinação do Supremo Tribunal. Melhor saída, no entanto, é a renúncia de Temer, avalia

Senador diz que projeto só voltará a andar após superação da nova crise política

Relator da reforma trabalhista suspende tramitação do projeto

Crise institucional exige que o impasse político que o país vive seja enfrentado antes de tratar de projetos específicos, alega Ricardo Ferraço

Número já

Senadores pedem ao TSE cassação da chapa Dilma-Temer como solução para a crise política

Grupo de parlamentares que se autodeclaram independentes vai ao Tribunal Superior Eleitoral pedir a antecipação do julgamento da chapa presidencial eleita em 2014. Para eles, país não suporta novo processo de impeachment

Publicidade Publicidade