Sexta, 24 de Março de 2017

Memória

Como os senadores investigados votaram impeachment de Dilma

Saiba quais são os senadores suspeitos de crimes que participaram da votação do impeachment e o voto dado por cada um deles na sessão histórica que afastou a presidente Dilma do mandato. Veja também a defesa deles

Continue lendo...
Cassol

Condenado à prisão, Cassol defende impeachment por falta de credibilidade

Em discurso, Ivo Cassol se apresenta como exemplo de administrador público e afirma que Dilma não tem credibilidade para continuar. Ele está condenado a quase cinco anos de prisão por fraude em licitação

Pedro França/Agência Senado

Gilmar Mendes autoriza inquérito contra Aécio

STF aceita pedido da PGR para investigar presidente do PSDB por corrupção e lavagem de dinheiro no caso de Furnas. Com ele, 24 senadores no exercício do mandato respondem ao Supremo

Plenário da Câmara Legislativa do Distrito Federal

Deputado de Brasília custa mais que federal

Com R$ 184 mil por mês só para contratar e manter assessores de sua confiança, parlamentar do Legislativo do Distrito Federal custa ao contribuinte brasiliense quase um terço mais que um integrante da Câmara dos Deputados

Dos senadores que têm pendência na Justiça, 13 são alvos da Lava Jato

Um terço do Senado responde a acusação criminal

Dos 81 senadores, 24 são acusados ou suspeitos de práticas criminosas. Renan e Cassol, condenado à prisão, lideram a bancada dos enrolados no Supremo. PMDB, PP e PT são as bancadas com mais investigados

Renan

“Vice” de Temer, Renan é alvo de 11 inquéritos

Promovido na linha da sucessão presidencial com o afastamento de Cunha e o eventual impeachment de Dilma, presidente do Senado responde por crimes como corrupção e lavagem de dinheiro. Supremo segura há três anos denúncia da PGR

Um dos mais fiéis aliados de Cunha, deputado fala até em desrespeitar a corte máxima

Paulinho quer rebelião na Câmara contra o STF

Réu por corrupção no Supremo, deputado diz que afastamento de Cunha é “drama” para os quase 200 parlamentares que respondem a processo no Supremo e convoca aliados do peemedebista para discutir reação extrema ao Supremo

Aliado de Cunha surpreende ao anunciar voto favorável a Dilma

Sucessor de Cunha na Câmara é investigado por corrupção

Waldir Maranhão, que assume o comando da Casa com o afastamento do peemedebista, responde a três inquéritos, um da Lava Jato e outros dois por lavagem de dinheiro

Dilma:

PGR pede ao STF inquérito contra Dilma

Baseado na delação premiada de Delcídio do Amaral, pedido também alcança o ex-presidente Lula e o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo. Eles são suspeitos de tentar obstruir as investigações da Lava Jato

cf11

Você está no veículo brasileiro que mais apareceu na mídia internacional nas últimas semanas

Principais órgãos de comunicação do mundo citam o Congresso em Foco – por causa das suas informações exclusivas ou das suas análises políticas – para explicar os meandros da crise brasileira

"não cometi nenhuma ilegalidade"

“Não uso cota para fins eleitorais”, diz Silvio Costa

Deputado que gastou R$ 118 mil na compra de material de escritório, como 3 toneladas de papel e 16 mil lápis, diz que é “homem limpo” e que usa a verba da Câmara de acordo com regras da Casa

Deputado

“Rei da papelaria” se autopromove com verba pública

Silvio Costa usou cota da Câmara para comprar quase 3 toneladas de papel A4 e 16 mil lápis escolares nos últimos dois anos. Pré-candidato ao Senado, parlamentar diz que itens foram repassados a aliados para divulgar mandato

stf

Impeachment: deputados contra a corrupção são alvos de denúncias

Pelo menos sete dos 70 deputados que mencionaram “corrupção” ao declarar seu voto a favor do impeachment de Dilma Rousseff respondem a inquéritos ou ações penais no STF

Janot responde a aluno sobre demora do caso Cunha no STF: “Problema está com o Supremo”

Réu na Lava Jato, Cunha é alvo de mais seis investigações na PGR, diz Janot

Em palestra para alunos brasileiros na Universidade de Cambridge, procurador informa que dois dos seis inquéritos diferentes contra o deputado devem “rapidamente” virar denúncias ao STF

Relator do impeachment é condenado pela Justiça eleitoral

Tribunal Regional Eleitoral de Goiás condena Jovair Arantes a pagar multa de R$ 25 mil por ter utilizado servidor comissionado da Conab em sua campanha eleitoral. Deputado diz que vai recorrer

Réu e investigado na Lava Jato, Cunha deixou a Mesa para votar a favor do impeachment de Dilma

Dos 48 deputados réus, 40 apoiaram o impeachment

Além de Eduardo Cunha, 20 deputados também suspeitos de receber do esquema de corrupção na Petrobras participaram da sessão de ontem. Quinze apoiaram a abertura do processo. Veja como réus e a bancada da Lava Jato votaram

Eduardo Cunha

Cerca de 150 deputados investigados participam da votação do impeachment

Acusações vão de corrupção e lavagem de dinheiro e alcançam favoráveis e contrários ao afastamento da presidente. Entre eles, 23 são suspeitos de receber recursos do petrolão e 48 são réus em ações penais, como Eduardo Cunha

Chamada na capa do New York Times sobre crise política no Brasil

New York Times destaca Congresso em Foco em matéria sobre a crise

Jornal norte-americano lembra que algozes de Dilma respondem a processos por corrupção. Para Sylvio Costa, fundador do site, “maiores ladrões são aqueles que detêm o maior poder”

PGR pede anulação de indiciamento de Gleisi Hoffmann na Lava Jato

Rodrigo Janot enviou parecer dizendo que a senadora tem foro privilegiado e não pode ser indiciada pela Polícia Federal

Detalhe da Estátua da Justiça, erguida em frente ao STF, a poucos metros do Congresso

Comissão do impeachment: 19 investigados votaram

Suspeitos de crimes como corrupção e lavagem de dinheiro, entre outros, participaram da votação da última segunda-feira. Dez deles votaram contra o impeachment; nove a favor do afastamento de Dilma

Eduardo Cunha

Ministério Público pede fim de transmissões de rádio de Cunha

Presidente da Câmara é sócio-administrador da Rádio Satélite, com sede em Recife. Constituição veda a concessão de outorgas de radiodifusão a deputados e senadores. Procurador pede nova licitação

Maluf é acusado de desviar recursos da obra de uma avenida em São Paulo para contas bancárias na Suíça - Luiz Xavier/Câmara

“Contrário a negociatas”, Maluf diz que votará pelo impeachment

“Minha vida pública sempre foi o oposto disso”, diz deputado, condenado recentemente na França a três anos de prisão por lavagem de dinheiro e réu em três ações penais no Supremo

leg

Caiado acionará PGR contra Dilma por incitação ao crime e prevaricação

Senador goiano entrará com representação contra Dilma, Contag e MST na segunda-feira por incitação ao crime e prevaricação. Na última sexta-feira, o secretário da Contag defendeu a ocupação de terras durante um discurso em evento no Palácio do Planalto

Câmara desativa sala Vip para deputados no aeroporto de Brasília

Casa gastava R$ 250 mil por ano com serviço que livra parlamentares de filas e de problemas para despachar bagagem. Atendimento será feito agora pelo Departamento de Relações Públicas e Divulgação

Publicidade Publicidade